08 de dezembro de 2021 - 11:48

Agronegócio

08/11/2021 07:57

Área de soja no Brasil deve superar 40 milhões de hectares, indica SAFRAS

Com o plantio passando da metade e acima do ritmo do ano passado e da média para o período, as perspectivas para a safra brasileira de soja em 2021/22. Se o clima continuar favorável, área e produção deverão ser recordes

A produção brasileira de soja em 2021/22 deverá totalizar 144,7 milhões de toneladas, com elevação de 5,4% sobre a safra da temporada anterior, que ficou em 137,3 milhões de toneladas. A estimativa foi divulgada por SAFRAS & Mercado. Em julho, quando foi divulgado o relatório anterior, a projeção era de 142,2 milhões de toneladas.

Com o plantio passando da metade, SAFRAS indica aumento de 4% na área, estimada em 40,5 milhões de hectares. Em 2020/21, o plantio ocupou 38,96 milhões de hectares. No relatório anterior, SAFRAS indicava área de 39,82 milhões de hectares.

O levantamento aponta que a produtividade média deverá passar de 3.4542 quilos por hectare para 3.590 quilos.

Foram feitos ajustes positivos em áreas esperadas para estados das regiões Sul, Centro-Oeste e Sudeste, com destaque para aumentos nos três maiores estados produtores do país (Mato Grosso, Paraná e Rio Grande do Sul).

Além destes três estados, houve também ajustes importantes nos estados de Minas Gerais e Mato Grosso do Sul.

“Os altos preços praticados no mercado interno de soja, tanto para o restante da safra disponível quanto para as entregas da safra nova (principalmente), voltaram a estimular a migração de áreas de outras culturas para a oleaginosa. Além disso, a recente queda nos preços do boi gordo também parece incentivar uma maior migração de áreas de pastagens para a cultura da soja, agregando também a abertura de novas áreas”, explica o analista de SAFRAS & Mercado, Luiz Fernando Roque.

Comercialização

A comercialização da safra 2020/21 de soja do Brasil envolve 92% da produção projetada, conforme relatório de SAFRAS & Mercado, com dados recolhidos até 5 de novembro. No relatório anterior, com dados de 8 de outubro, o número era de 89,2%.

Em igual período do ano passado, a negociação envolvia 98,7% e a média de cinco anos para o período é de 94,6%. Levando-se em conta uma safra estimada em 137,304 milhões de toneladas, o total de soja já negociado é de 126,257 milhões de toneladas.

No período, a comercialização evoluiu bem, mas o total negociado da safra 20/21 ficou abaixo do percentual de igual período do ano passado e da média para o período.

As vendas antecipadas da safra 2021/22 estão atrasadas na comparação com o ano passado e com a média de cinco anos. Levando-se em conta uma safra de 144,712 milhões de toneladas, SAFRAS estima uma comercialização antecipada de 30,6%, envolvendo 44,318 milhões de toneladas. No início de outubro, o número era de 28,1%

Em igual período do ano passado, o número era de 55,1% e a média dos últimos cinco anos é de 33%.

Fonte: Agência SAFRAS


Plantão

(65) 98411-0626

Copyright  - A Voz do Estado  - Todos os direitos reservados